Luciana Palma | A REVOLUÇÃO DAS CÉLULAS-TRONCO
362
post-template-default,single,single-post,postid-362,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive
 

A REVOLUÇÃO DAS CÉLULAS-TRONCO

A REVOLUÇÃO DAS CÉLULAS-TRONCO

Pesquisa pioneira feita por brasileiros mostra que a aplicação das células-tronco promove o rejuvenescimento da cútis de forma impressionante. A terapia pode representar a mais nova revolução da Ciência na busca pela preservação da beleza

Os cirurgiões plásticos Natale Gontijo de Amorim e Charles Araújo de Sá e o médico italiano Gino Rigotti, da Universidade de Verona, realizam no Rio de Janeiro uma pesquisa inédita para avaliar se a aplicação na cútis de células-tronco extraídas do próprio paciente é capaz de promover o rejuvenescimento cutâneo. A contar pelos resultados observados até agora, a resposta é sim. Elas reduzem a flacidez de forma extraordinária – um dos principais objetivos de qualquer tratamento de rejuvenescimento -, além de assegurarem maior hidratação e viço à pele desgastada pelo tempo.Ao investirem neste estudo em células-tronco, os três especialistas optam por uma das principais apostas da medicina…